5 características que todo Comissário precisa ter
Comissário Notícias  /  maio 4, 2017
5 características que todo Comissário precisa ter

Quando viajamos eles estão sempre lá nos recebendo com sorrisos na entrada do avião, nos servindo, atendendo as nossas necessidades e dispostos a nos auxiliarem com o que precisarmos durante a viagem. Ao final do voo, eles estão novamente na porta do avião, se despedindo sorridentes e, por incrível que pareça, impecáveis! Como pode? Se você admira a profissão de Comissário de Voo e sonha em um dia estar nessa posição, saiba que você deve possuir algumas características primordiais para seguir essa carreira. Não basta gostar de viajar, é preciso gostar de servir, ter bom humor e ser resiliente diante dos vários contratempos que podem surgir durante a jornada. Quer saber com mais detalhes quais características são essas? Acompanhe conosco!

Autocontrole

Para atuar na profissão é preciso ter bastante autocontrole, ou seja: não se deixar levar pelas emoções como medo, raiva ou antipatia. Quaisquer que forem as situações, o comissário tem o dever de manter uma postura de serenidade a bordo.

Equilíbrio emocional

Essa característica está totalmente relacionada com a anterior e elas chegam até mesmo a se confundir. Entretanto, o equilíbrio emocional pode ser tratado como algo mais amplo que, por sua vez, permitirá o próprio autocontrole. Ser equilibrado emocionalmente significa ter um humor estável, não sucumbir diante das pequenas dificuldades e ter segurança em si mesmo. Sendo uma pessoa equilibrada emocionalmente as relações profissionais serão mais fáceis, o trato com os passageiros será mais natural e serão maiores as chances de sucesso na profissão.

Capacidade de lidar com o público

Em apenas um voo o comissário precisa lidar com centenas de pessoas totalmente diferentes entre si: diversas idades, culturas, humores, cidades ou nacionalidades e, portanto, sociabilidades diferentes. Desse modo, é preciso que tenha jogo de cintura e uma boa capacidade para lidar com o público e suas demandas, não levando para o lado pessoal as eventuais grosserias e nervosismos dos passageiros, o profissional deve estar disposto a ouvi-los e a atender o que pedem, dentro das possibilidades.

Capacidade de comunicação

O comissário não precisa ser extrovertido, mas também não pode ser tímido, pois é inevitável a sua exposição durante o voo, onde eles ficam transitando entre as extremidades do avião e são frequentemente solicitadas. O profissional deve possuir boa capacidade de comunicação, ou seja, deve saber ouvir e também saber se expressar com clareza. Embora seja um diferencial, não é um pré-requisito e uma obrigatoriedade que o comissário saiba falar inglês ou espanhol.

Boa saúde

É fundamental que o comissário tenha uma boa saúde para exercer a profissão. Para a admissão na profissão é necessário fazer vários exames que comprovem a ausência de certas doenças e boa condição da saúde.

E então, você possui essas qualidades primordiais de comissários? Se sim, faça um curso que a capacite para a profissão e boa sorte nos seus voos! Qualquer dúvida, escreva pra gente!

Fonte: CEAB

Deixe uma resposta

Seu email não será publicado.


*


@diariodeaviacao
EnglishPortuguese